Rita Lee – Uma autobiografia

 

Muito bom dia aos habitantes do planeta Zás! Mais uma semana prontinha está entregue em nossas mãos para fazermos dela produtiva e positiva. Quem se habilita?

Estou chegando animadíssima, trazendo pra vocês uma dica de leitura e de quebra, uma inspiração para uma trilha sonora de ninguém mais, ninguém menos que Rita Lee Jones!

Lançado em novembro de 2016 pela editora Globo Livros, Rita Lee – Uma autobiografia  segue até hoje na lista dos livros mais vendidos e pode ser encontrado nas melhores livrarias, entre R$ 33,200 e R$ 45,00.

Rita conta suas histórias com tanta honestidade, que muitas vezes temos a sensação de estarmos diante de uma biografia não autorizada. Do primeiro disco voador ao último porre, Rita é consistente. Corajosa. Sem culpa nenhuma.

Narra tudo sobre a infância, passando pelo aterrorizante episódio de abuso sexual sofrido aos 6 anos de idade em sua própria casa; os primeiros passos na vida artística; sua prisão em 1976; o encontro de almas com Roberto de Carvalho; o nascimento dos filhos, das músicas e dos discos clássicos; os tropeços como por exemplo o alcoolismo, momentos difíceis como a interrupção de uma gravidez de risco e as glórias ao longo dos seus 69 anos de vida dessa mulher incrível de Sampa, ovelha negra da família e da música brasileira, incrível e que nunca foi santa.

Está tudo lá na obra mais pessoal que ela poderia entregar de presente para nós. Rita cuidou de tudo. Escreveu, escolheu as fotos e criou as legendas – e até decidiu a ordem das imagens. Fez a capa, pensou na contracapa, nas orelhas… Entregou o livro assim- prontinho. Sua essência está nessas páginas. E é exatamente desse modo que a Globo Livros coloca a autobiografia da nossa estrela maior no mercado. Guilherme Samora é jornalista e estudioso do legado cultural de Rita Lee.

Rita Lee Jones rememora coisas boas e más da vida com leveza, sinceridade e com seu bom humor de sempre. Neste mundo machista, sexista e tão cruel com as mulheres, vale a pena cada uma das 100 paginas que compõe essa narrativa. Cantoras, artistas, anônimas, todas passamos por momentos complicados, muitas vezes difíceis de superar, mas, desistir não deve fazer parte dos nossos planos.

Boa semana! Espero que gostem da dica! Segunda que vem estou de volta.

Blog- Rita Lee 03

 ** Flávia Costa: “Graduada em Gestão de Recursos Humanos com especialização em Captação e Fidelização de Clientes. Mãe, canceriana, sonhadora, amiga leal e metida à escritora e que acredita que felicidade é verbo que deve ser sempre conjugado no presente!”

Uma Resposta sobre “Rita Lee – Uma autobiografia”

Você precisa estar Logado para postar uma opinião.

  1. Iza

    Adoro ela! Quero muito ler esse livro, esse e a biografia da Nany People. Beijinhos!