PORQUE TANTO SE FALA NO CONSUMO CONSCIENTE?

Por Mariana Brandão**

Muito tem se falado hoje sobre consumo consciente e economia colaborativa. E essa preocupação vem não apenas daqueles que produzem os objetos e serviços que produzimos diariamente, mas, principalmente daqueles que consomem.

Seja no crescimento do AirBnB, na popularização do Uber, no aluguel de vestidos de festa e bolsas de grife, esse modelo de consumo cresce cada vez mais e atinge cada vez mais nichos de mercado.

A ideia principal é: porque adquirir um bem, se eu posso ter acesso a ele momentaneamente, usar e depois devolver? Porque vou gastar uma quantia considerável em uma peça de roupa ou acessório que vou usar poucas vezes (ou em muitos casos uma vez só!). Porque ter um carro e arcar com todas as despesas se posso ter um carro com motorista à disposição quando precisar, sem me preocupar com estacionamento, segurança, impostos? Foram esses e vários outros questionamentos que fizeram as pessoas começar a mudar seus pensamentos e construir uma nova maneira de consumir.

No ano de 2020, a geração dos millenniuns serão cerca de 80% da população consumidora. E, para esse público, a questão do consumo consciente será muito mais do que uma opção. Será determinante para fazer suas escolhas no que se refere a hábitos de um consumo mais consciente, que não agrida tanto o meio ambiente e em que a cadeia produtiva (e não apenas o resultado final) também seja um ponto de relevância. Assim, quem estiver totalmente apartado dessa nova realidade, ficará pra traz no mercado.

Então, se o consumo consciente já é uma realidade que só tende a crescer, impossível ficar alheio a esse novo movimento. Quem o incorporar pra sua vida e nas oportunidades de negócio sairá na frente nessa preocupação inevitável que temos de ter com nosso meio ambiente, estilo de vida e economia.

 

**Meu nome é Mariana Brandão, sou mineira e tenho 31 anos. Advogada por formação, resolvi seguir uma outra paixão desde criança: a moda. Consultora de imagem e estilo, acredito no poder da imagem, que vai muito além das escolha de roupas. É a forma que você se comunica com o mundo! Sou fascinada por pessoas e suas histórias. Amo viajar, comer bem e descobrir novidades desse mundão afora.”

Sem Respostas sobre “PORQUE TANTO SE FALA NO CONSUMO CONSCIENTE?”

Você precisa estar Logado para postar uma opinião.