Eu carnavalizo, tu carnavalizas e você, carnavaliza?

 

Muito bom dia meninas e por que não, muito bom dia meninos do blog da Zás! Como foram de fim de semana?

Chegamos à última semana das férias escolares. Falta pouco para BH e as outras grandes capitais voltarem ao seu estado natural de temperatura e pressão: trânsito bombando, todo mundo apressado, atrasado e por aí vai.

Para não sofrer por antecedência, não conto o fim das férias e sim quantos dias faltam para o Carnaval. Eu nem sou de brincar o Carnaval, mas, BH trouxe de volta o Carnaval dos bloquinhos, o Carnaval de Rua, aquele em que há lugar para todos. Belo Horizonte carnavaliza de um jeito democrático, toda e qualquer tribo da cidade pode se encontrar mais de 363 blocos inscritos para desfilar em 2017. Até que não gosta pode e deve dar uma espiadinha por aí.

Para 2017 são esperadas 2,4 milhões de pessoas nas ruas da capital. O folião terá então 363 chances de se divertir sozinho, com os amigos de muito tempo atrás, com os novos amigos, cantando sucessos do tempo da vovó, axé, rock, brega, funk…ufa!!!! Na nossa festa cabe todo mundo. As crianças adoram e os adultos também.

As novidades para este ano é que dois palcos serão montados na Avenida Brasil e na Praça da Estação para animar mineiros e turistas e a instalação do “SKOLREGA”, um escorregador gigante, patrocinado por uma marca de cerveja. Esta atração será gratuita e instalada em pontos estratégicos da folia. Para participar basta apenas pegar uma das boias que serão disponibilizadas, sentar e aproveitar.

Os nomes dos blocos, por si só já são diversão garantida, e tem pra todo tipo de gosto musica.  Beiço do Wando, Baiana Ozadas, Havaianas Usadas, US Beethoven, Fala Tambor, Quando se como se lambuza, Bloco de Seu Bento à Dona Lúcia, Bloco da Língua, Todo mundo cabe no mundo, Então Brilha e muito mais.

Programe-se para a Folia de Momo, curta, se jogue, espaireça, sorria, paquere, dance, cante, faça novos amigos. Não tem desculpa para não curtir. Vá fantasiado, “montado”, transborde alegria, bom astral. Se não tiver adereços, passe aqui na Zás que a gente dá um jeito.

Se a sua tribo não é de Carnaval, nossa região tem muitas opções de cachoeiras e trilhas e a gente pode falar sobre elas no nosso próximo encontro. Combinado? Semana perfeitinha e cheia de possibilidades para todos nós!

 Programação completa do Carnaval de BH, clique aqui. 

 

 

Carnaval BH

 

* Flávia Costa: “Graduada em Gestão de Recursos Humanos com especialização em Captação e Fidelização de Clientes. Mãe, canceriana, sonhadora, amiga leal e metida à escritora e que acredita que felicidade é verbo que deve ser sempre conjugado no presente!”

2 Respostas sobre “Eu carnavalizo, tu carnavalizas e você, carnavaliza?”

Você precisa estar Logado para postar uma opinião.

  1. Nora Abreu

    Amei o texto, claro, sou fã dos textos dessa menina "corajuda" que bota o carão e segue quem quer e eu quero sim. tou garrada. Esceve ai que leio aqui. Boa sorte .

  2. Clô Guimarães

    Excelente texto! Acho que essa " escritora" tem alguma coisa a ver comigo!!!